Cadastre-se para receber novidades

Nome Email
Área Restrita




Esqueci a senha

Notícias

25/01/2013
País deixou de arrecadar R$ 46 bi em 2012 por cortes de tributos

Fisco listou 18 medidas anunciadas pelo governo para reduzir tributos. Entre elas, desoneração da folha, zeragem da Cide e redução do IPI.

A Secretaria da Receita Federal informou nesta quarta-feira (23) que as reduções de tributos anunciadas pelo governo federal nos últimos anos geraram uma renúncia fiscal (perda de arrecadação) no valor de R$ 46,6 bilhões em 2012, um pouco acima do valor de R$ 45 bilhões que vinha sendo citado pelo ministro da Fazenda, Guido Mantega.

Segundo a secretária-adjunta da Receita Federal, Zayda Manatta, este valor não é exato, visto que ainda não foram confirmadas informações sobre a desoneração da folha de pagamentos de novembro e dezembro do ano passado. "Mas está muito perto disso", acrescentou ela.

O Fisco listou 18 medidas adotadas pelo governo federal que resultaram em queda da arrecadação no ano passado. Entre elas, a zeragem da Cide de Combustíveis, no meio de 2012, que gerou a renúncia fiscal de R$ 8,85 bilhões, a redução gradual do prazo de apropriação de créditos sobre aquisições de máquinas e equipamentos (impacto de R$ 7,6 bihões), o aumento dos limites do Simples Nacional (R$ 5,3 bilhões) e a desoneração da folha de pagamentos de setores da economia – com impacto estimado de R$ 3,8 bilhões em 2012.

Além destas medidas, a equipe econômica também anunciou, no ano passado, o Reintegra (devolução de 3% das exportações de manufaturados), que gerou uma renúncia de R$ 3,4 bilhões em 2012, a redução do IPI sobre automóveis (impacto de R$ 2,85 bilhões), sobre a linha branca (R$ 1,17 bilhão) e sobre materiais de construção (R$ 1,66 bilhão) e sobre móveis (R$ 1 bilhão).

Também houve, entre outras medidas, a correção da tabela do Imposto de Renda das Pessoas Físicas em 4,5%, com impacto de R$ 2,36 bilhões na arrecadação, a redução do IOF para empréstimos de pessoas físicas de 3% para 1,5% ao ano (o que gerou uma renúncia de R$ 2,8 bilhões).

PRINCIPAIS RENÚNCIAS FISCAIS

Medida / Valor da renúncia (em R$ bilhões)
Zeragem da Cide Combustíveis / 8,85
Incentivo a aquisições de máquinas e equipamentos / 7,6
Aumento dos limites do Simples Nacional / 5,3
Desoneração da folha de pagamentos / 3,8
Reintegra / 3,4
Redução de IPI dos automóveis / 2,85
Redução do IPI da  linha branca / 1,17
Redução do IPI de móveis / 1
Correção da tabela do IR / 2,36
Redução do IOF para empréstimos /2,8

Fonte: G1

« voltar
Vencimentos
Vencimentos Anteriores
Certidões
Receita Federal
P. Física
P. Jurídica
FGTS
Previdência Social
Pedido de Certidão Negativa de Débito
Consulta à Certidão Negativa de Débito - CND ou CPD-EN
Municipais
Serviços On-line
Estaduais
Certidão de Débitos Estaduais

Simples Nacional
Receita Federal
Secretaria de Estado da Fazenda / SC
Sintegra
Prefeitura Municipal de Blumenau
Desenvolvimento INFORMARE